fbpx

Microbiota Intestinal e dores na osteoartrite

Microbiota intestinal e sua relação com dores na osteoartrite

 

Osteoartrite (OA) é uma doença articular degenerativa que afeta mais de 30% da população de adultos e idosos. O principal sintoma clínico da OA é a dor, e embora  a causa mais predominantemente para OA seja a predisposição genética, a OA vem sendo associada a inflamação sistêmica de baixo grau e presença de metabólitos inflamatórios produzidos pela microbiota intestinal (MI).

A MI emergiu como um dos fatores associados à inflamação sistêmica de baixo grau, uma vez que as bactérias gastrointestinais produzem diversas moléculas pró-inflmatórias, incluindo o lipopolissacarídeo (LPS), que pode afetar a ativação do sistema imunológico.


AINDA NÃO RECEBE NOSSOS CONTEÚDOS CIENTÍFICOS? ASSINE NOSSAS NEWSLETTERS! . FAÇA O SEU CADASTRO AQUI.

De fato, estudos recentes identificaram níveis elevados de LPS, no sangue e líquido sinovial de pacientes com OA. Esta elevação estava associada a estados mais graves de OA do joelho, como maior grau de dor e inflamação. Este e outros estudos vinculam a composição da MI à inflamação sistêmica e local de baixo grau observada em casos de OA.

Os achados atuais apontam o microbioma como um promissor alvo terapêutico para dor nas articulações relacionada à OA, e sugerem que novos estudos nesta área são de importantes para identificar novos tratamentos que reduzam os sintomas clínicos, em particular a dor.

 

 

Referências:

 Cindy G. Boer, Djawad Radjabzadeh, Carolina Medina-Gomez, Sanzhima Garmaeva, Dieuwke Schiphof, Pascal Arp, et al. Intestinal microbiome composition and its relation to joint pain and inflammation. Nature Communications volume 10, Article number: 4881 (2019)

 

Related Posts

Leave a comment