fbpx

Como os testes nutrigenéticos podem auxiliar na prevenção e tratamento da obesidade

Atualmente, a obesidade é uma das principais causas de mortalidade no mundo. De grande impacto na saúde pública, esta doença, de origem multifatorial e associada à inúmeras comorbidades, desperta grande preocupação na área da saúde.

Você já percebeu que um atendimento padrão para a obesidade não atende a todos os indivíduos da mesma forma? Isso acontece, pois, muito além da contagem de calorias, as informações genéticas e epigenéticas do indivíduo, bem como a idade, sexo e status fisiopatológico específico, estão diretamente relacionadas a maior predisposição ao consumo alimentar excessivo, acúmulo de gordura e ganho de peso.

Nos últimos anos, com o avanço da ciência genômica, foi possível compreender de que modo variantes genéticas, bem como padrões de expressão gênica, podem estar relacionados ao aproveitamento de nutrientes, padrão de alimentação e desenvolvimento de obesidade. Atualmente, através de exames de sequenciamento genético, é possível conhecer biomarcadores associados ao risco de desenvolver obesidade e personalizar a prevenção e o tratamento desta doença.

Sabendo da importância da medicina e da nutrição personalizada no combate ao ganho de peso, a Bioma4me agora dispõe de exame das variantes genéticas que é capaz de avaliar a predisposição à obesidade relacionada a fatores nutricionais e de gasto energético.


AINDA NÃO RECEBE NOSSOS CONTEÚDOS CIENTÍFICOS? ASSINE NOSSAS NEWSLETTERS! . FAÇA O SEU CADASTRO AQUI.

Com o exame “Predisposição à obesidade” são avaliados os seguintes genes:

     Genes de comportamento alimentar e saciedade

  • SH2B1 – Associado à sensibilidade de leptina e insulina
  • GNPDA2 – Associado à adiposidade

    Genes associados ao aumento de peso pós-gestacional

  • GNB3 – Associado à maior predisposição de acúmulo de gordura subcutânea
  • INSIG2 (acúmulo de gordura corporal)

    Genes de predisposição à obesidade

  • FTO (Não saciedade)
  • PLIN (Dificuldade de perda de peso mesmo em restrição alimentar)

O conhecimento do perfil genético possibilita prevenir ou tratar, de forma assertiva, a obesidade e todas as suas comorbidades e riscos associados, garantindo ao profissional uma ferramenta suporte para prescrever recomendações clínicas e nutricionais que sejam adequadas ao perfil genético do paciente. Baseadas em fármacos, nutrientes e compostos bioativos da dieta efetivamente capazes de modificar marcas epigenéticas e expressão gênica.

Quer conhecer mais sobre o exame “Predisposição à obesidade” e saber como a genética pode te auxiliar no combate ao ganho de peso?

Entre em contato conosco.

Referências:

Ramos-Lopez O, Milagro FI, Allayee H, et al. Guide for Current Nutrigenetic, Nutrigenomic, and Nutriepigenetic Approaches for Precision Nutrition Involving the Prevention and Management of Chronic Diseases Associated with Obesity. J Nutrigenet Nutrigenomics. 2017;10(1-2):43-62.

Peña-Romero AC, Navas-Carrillo D, Marín F, Orenes-Piñero E. The future of nutrition: Nutrigenomics and nutrigenetics in obesity and cardiovascular diseases. Crit Rev Food Sci Nutr. 2018;58(17):3030-3041.


Teste de detecção do COVID-19 no conforto de sua casa!

Você sabe que aglomerações de salas de espera laboratoriais e hospitalares podem potencializar o risco de contaminação e transmissão do Coronavírus (COVID-19). 

Você pode evitar esse risco!

Nos preocupamos com a segurança e comodidade, então oferecemos o serviço exclusivo de transporte do material do teste COVID-19, no conforto do seu lar.

Clique aqui e veja todas as informações do teste

 

 

Postagens Relacionadas

Deixe um comentário